terça-feira, 1 de abril de 2014

Ele completa ela e vice versa...


Estávamos discutindo, então ele me parou e me beijou. Teria gostado se não estivéssemos no meio da rua, literalmente.
Não pense que sou o tipo de pessoa que faz escândalo na rua. Na verdade eu nem sei se posso dizer que estávamos discutindo, eu estava apenas dizendo á ele que prefiro comprar um novo jogo de luta do que um de futebol como ele queria. Então ele me beijou e disse que iria comprar os dois.
Sim, eu amo jogar vídeo game, mas com ele. Sem ele eu não faço questão, não tem nenhuma graça...

Sabe, eu acredito nessas coisas de alma gêmea, metade da laranja e cara metade, porque pra mim, isso vai além do que ter apenas coisas em comum, é ter coisas diferentes também, é a certeza que mesmo com todos os nossos defeitos somos muito melhores juntos. E saber que o amor que sentimos um pelo outro vai além do que qualquer problemas, brigas e discussões.

Eu o amo de uma maneira incondicional, como nunca amei ninguém e nunca irei amar. Ao lado dele tenho a incrível sensação de que é ali o meu lugar e em nenhum outro.
Nos braços e abraços dele foi aonde encontrei tranquilidade e proteção.

É claro que discutimos por coisas bobas e coisas sérias, mas sei que no final (ou antes) ele vai me fazer rir ou/e me beijar. É tudo isso que preciso, é apenas isso que preciso.

Na próxima rua que atravessamos, ele estava abraçado comigo, então eu parei, o abracei mais forte e disse: "Me beija de novo? " . Então, ele me beijou de novo. Parou segundos antes do sinal abrir e continuamos nosso caminho. Nos amando como sempre e para sempre.

2 comentários:

  1. Ai, que fofinho.
    Você escreve muito bem, parabéns.
    Já estou seguindo o blog.
    Bjokas
    http://nerdworldofgirl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Karolayne. Seja muito bem vinda. :))

      Excluir

Oi, o que achou deste post? ...